Etipia desde 3614.00

Pas ainda desconhecido dos portugueses mas que todos os europeus veneram, tanto pelo seu incontornvel patrimnio arquitectnico, com 8 pontos patrimnios da Unesco, igrejas nicas no mundo, construdas de cima para baixo num s monlito, em Lalibela, como pela sua inacreditvel multiplicidade natural. Visto Obrigatrio
 

1 - Requisitos de entrada

Os viajantes devem ser portadores de passaportes com a validade mínima de seis meses, à data da entrada na Etiópia. Os cidadãos da União Europeia necessitam de visto de entrada. Os vistos podem ser obtidos por via eletrónica através do site www.evisa.gov.et. Para os titulares de passaporte português é possível também obter o visto de turismo à chegada ao aeroporto internacional de Adis Abeba. É aconselhável chegar ao país com dólares ou euros, caso não tenha obtido o visto previamente, já que este tem de ser pago em divisas.

 

2 - Vacinas

Sugere-se uma consulta do viajante para obtenção de informação sobre vacinas recomendadas e precauções a observar durante a viagem. Na capital, dado o elevado nível de poluição, poderão manifestar-se reações alérgicas. A altitude poderá também ser sentida nos primeiros dias, nomeadamente através de níveis anormais de cansaço. Há também um risco de distúrbios gastrointestinais, sobretudo nos primeiros dias. A água distribuída através da rede pública não é potável, pelo que se recomenda o consumo de água engarrafada. A rede de farmácias em Adis Abeba é vasta, e é possível encontrar alguns medicamentos genéricos. Aconselha-se, no entanto, o viajante a trazer um estojo básico de medicamentos.

 

3 - Moeda

A moeda local é o Birr. A taxa de câmbio é atualizada regularmente e pode ser consultada no seguinte endereço de internet: www.bportugal.pt. O câmbio pode ser efetuado nos estabelecimentos bancários e nos principais hotéis de Adis Abeba e de outras cidades. Caso troque divisas em Birr, deve guardar o recibo pois sem ele não poderá trocar o dinheiro que sobre. Na Etiópia, a maioria das transações são feitas em moeda. No entanto, os principais estabelecimentos hoteleiros de Adis Abeba e agências de viagens aceitam cartões de crédito, sendo mais generalizado o cartão Visa. São frequentes as falhas de comunicação eletrónica no uso de cartões de crédito. Podem ser efetuados levantamentos em caixas multibanco (ATM) com cartões de débito ou crédito nacionais, embora os limites diários sejam na ordem dos 4000 ou 5000 ETB, dependendo dos bancos.

 

4 - Idioma

A língua oficial é o amárico, uma língua semítica, falada como primeira ou segunda língua por grande parte da população, em particular na capital. O inglês é, geralmente, falado pelas camadas da população urbana com maior nível de instrução. É a língua de comunicação para os visitantes.

 

5 -  Diferença Horária

UTC/GMT +3 no Inverno e +2 no Verão

 

6 - Eletricidade

220 V / 50 Hz, tomadas tipo C, E, F e L

 

7 - Clima

Adis Abeba fica a 2400 metros de altitude e tem um clima temperado e seco, com exceção da estação das chuvas, entre Junho e Setembro. Durante a estação seca, as temperaturas durante o dia situam-se na ordem dos vinte graus, verificando-se uma importante variação térmica em relação à noite. Através do país existem as mais diversas regiões climáticas, desde áreas desérticas (nordeste e sudeste), savanas, florestas tropicais e diferentes microclimas de altitude.

 

Itinerrio

1º Dia – LISBOA ou PORTO / CIDADE EUROPEIA / ADDIS ABEBA

Comparência no aeroporto 120 minutos antes da hora prevista para a partida. Formalidades de embarque e saída em voo da Ethiopian Airlines com destino a Madrid, Roma, Milão, Londres, etc. Chegada, mudança de avião e continuação da viagem em voo da Ethiopian Airlines com destino a Addis Abeba. Noite a bordo.

2º Dia ADDIS ABEBA

Chegada a Addis Abeba de manhã cedo, receção e transporte para o hotel da categoria selecionada. Dia dedicado a explorar a cidade de Addis Abeba, fundada em 1886 por Menelik II, localizada a 2.500 metros de altitude e é rodeada pelas montanhas do Entoto, que atingem os 3000 metros. Addis Abeba é uma grande cidade com museus interessantes e um dos maiores mercados ao ar livre em África, conhecido como o “Mercato”. Visita a Entoto Mariam, uma igreja nas montanhas, com uma vista única sobre a capital, assim como a visita dos antigos palácios do rei Menelik II. Almoço em restaurante. De tarde visita ao Museu Nacional e Etnográfico e a duas das mais importantes igrejas da cidade. Jantar e alojamento no hotel.

3º Dia – ADDIS ABEBA / BAHAR DAR

Pequeno-almoço no hotel. Logo pela manhã, transporte para o aeroporto e partida em voo da Ethiopian Airlines com destino a Bahar Dar. Após a chegada transporte ao hotel da categoria selecionada e tempo livre até ao almoço (incluído). De tarde, passeio pelos arredores de Bahar Dar e regresso ao hotel. Regresso ao hotel, jantar e alojamento.

4º Dia – BAHAR DAR

Pequeno-almoço no hotel. Hoje o dia será dedicado a descobrir a região do Lago Tana e a alguns dos 20 mosteiros existentes na zona. Realizaremos um passeio de barco no lago Tana e visitaremos o mercado local. O lago Tana tem 37 ilhas, 30 das quais têm igrejas históricas e mosteiros. Durante a viagem de barco terá oportunidade de visitar algumas das ilhas. Ura Kidan Mihret é um dos mais famosos mosteiros, com belos frescos e que alberga uma importante coleção de ícones religiosos do séc. XVI a XVIII. Almoço em restaurante. De tarde, saída de carro até às fabulosas Cataratas do Nilo Azul, situadas a cerca de 30 Km de Bahir Dar, e popularmente conhecidas como Tis Abay ou Tis Isat (fumo de água). Jantar e alojamento no hotel.

5º Dia – BAHAR DAR / GONDAR

Pequeno-almoço no hotel. Em seguida continuamos em direção à cidade de Gondar. Gondar foi fundada pelo Imperador Fasilidas, e foi uma das primeiras capitais do Império da Abissínia. Nesta cidade existem uma dúzia de castelos construídos por vários imperadores ao longo de mais de 200 anos. Os castelos parecem mais Europeus que Africanos, e Gondar, é ainda conhecida como a Camelot Africana. Visita do Cerco Real, dos Banhos Reais de Fasilidas e da Igreja Debre Berhan Selassie, com o interior decorado com belos frescos com anjos. Almoço em restaurante. Após as visitas transporte para o hotel da categoria selecionada. Jantar e alojamento no hotel.

6º Dia – GONDAR / AXUM

Pequeno-almoço ligeiro no hotel. Logo pela manhã, transporte para o aeroporto e partida em voo da Ethiopian Airlines com destino a Axum. Axum é conhecida como uma das maiores civilizações da antiguidade, agora reconhecida pela UNESCO como Património da Humanidade. De acordo com Kebre Nagast, no “Livro dos Reis”, durante no séc. X AC, o filho da Rainha de Sabá e o Rei Salomão, de nome Menelik, trouxe a Arca da Aliança para Axum, e que até hoje estaria numa capela do complexo da Igreja de Santa Maria do Sião. Visita ao Parque das Estelas, com monólitos de diversos tamanhos e formas. Visitaremos ainda os a catedral de Tsion Maryam e de Mai Shum, os Banhos da Rainha de Sabá, o túmulo do Rei Basen, e o Museu Arqueológico. Almoço em restaurante. Após a visita transporte ao hotel da categoria selecionada. Jantar e alojamento no hotel.

7º Dia – AXUM / LALIBELA

Após o pequeno-almoço no hotel, transporte para o aeroporto e partida em voo da Ethiopian Airlines com destino a Lalibela. Chegada à denominada Jerusalém Africana, situada a 2.600 metros de altitude. Em Lalibela existem 11 espetaculares igrejas que foram esculpidas na rocha, no séc. XII. Estas igrejas foram classificadas como uma das Maravilhas do Mundo, e reconhecida pela UNESCO como Património da Humanidade. Cada igreja tem um estilo arquitetónico único, todas estão soberbamente esculpidas e a maioria delas estão decoradas com pinturas em ótimo estado de conservação. A cidade inteira pode ser descrita como uma escultura dedicada à glória de Deus. No trajeto para Lalibela visita à igreja rupestre de Na’akuto La’ab, igreja simples, mas muito atraente. Vista ao primeiro grupo de igrejas: Bet Medhane Alem e Bet Mariam. Almoço em restaurante. De seguida partida à descoberta da simpática cidade de Lalibela. Após as visitas transporte para o hotel da categoria selecionada. Jantar e alojamento no hotel.

8º Dia – LALIBELA

Pequeno-almoço no hotel. Pela manhã visita de uma das igrejas nos arredores de Lalibela, situada a cerca de 30 Km, a conhecida Yemrehanna Kristos, construída numa caverna na encosta do monte Abuna Yosef. Almoço em restaurante. De tarde, visita do segundo grupo de igrejas: Bet Amanuel, Bet Abba Libanos, Bet Gabriel Rufael e Bet Giorgis. Regresso ao hotel, jantar e alojamento.

9º Dia – LALIBELA / ADDIS ABEBA / CIDADE EUROPEIA

Pequeno-almoço no hotel. Em hora a indicar localmente transporte e partida em voo da Ethiopian Airlines de regresso a Addis Abeba. Chegada, receção e tempo livre para compras ou para passear na Avenida Churchill, uma das artérias mais importantes da capital. Jantar de despedida em restaurante. Transporte para o aeroporto e formalidades de embarque. Partida ao final da noite em voo da Ethiopian Airlines com destino a Madrid, Roma, Milão, Londres, etc. Noite a bordo.

10º Dia – CIDADE EUROPEIA / LISBOA ou PORTO

Chegada, mudança de avião e continuação da viagem com destino a Lisboa ou Porto. FIM DA VIAGEM

 

A ordem das visitas poderá ser alterada ou inclusivamente algum monumento ou museu poderá ser suprimido por motivos de força maior.

Inclui:

Passagem aérea em classe económica para o percurso Lisboa ou Porto / Cidade Europeia / Addis Abeba e volta, em voos da Ethiopian Airlines, com direito ao transporte de 23 Kg de bagagem (1 mala);

Passagem aérea em classe económica para o percurso Addis Abeba / Bahir Dar - Gondar / Axum / Lalibela / Addis Abeba, em voos da Ethiopian Airlines, com direito ao transporte de 20 Kg de bagagem (1 mala);

7 noites de alojamento na categoria de hotéis selecionada, em regime de pensão completa;

Todos os transportes como indicado no programa;

Guias locais falando espanhol; 

Todas as visitas mencionadas no itinerário;

Todas as entradas mencionadas no programa;

Todos os impostos aplicáveis;

Taxas de aeroporto, segurança e combustível;

Seguro Multiviagens PVFM5K+CIV B.

No inclui:

Bebidas às refeições (para além das mencionadas como incluídas);

Gratificações (bagageiros, motorista, guia e restaurantes);

Tudo o que não esteja como incluído de forma expressa;

Visto de entrada na Etiópia (aproximadamente USD 60);

Despesas de carácter particular designados como extras.

Notas:

Os valores apresentados poderão sofrer eventuais alterações até à data da emissão dos documentos em caso de significativas oscilações cambiais, de custos de combustível e/ou taxas.